Motorista que provocou acidente com dono da Fitness Club entrou na contramão para colher mangas

 

Os amigos do empresário Fábio Victor Araújo Costa (de macacão vermelho), dono da academia Fitness Club, relataram o acidente em áudio no WhatsApp. Eles disseram que um carro entrou na contramão e a moto de Fábio bateu frontalmente na lateral do veículo.

O motorista que estava numa Pick Up Corsa atravessou a BR de um lado a outro, quando o comboio de motoqueiros estava passando. O empresário não conseguiu desviar e colidiu.

Segundo informações, o motorista foi colher mangas e decidiu atravessar a pista na contramão com Pick.

Fábio Victor e seus amigos saíram de São Luís às 8h da manhã a caminho de Teresina, no Piauí.

O acidente ocorreu por volta das 9h, no KM 57 da BR-135, no povoado São Pedro, próximo a uma barreira eletrônica.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF-MA), as providências para o traslado do corpo do empresário estão sendo tomadas.

Pick Up Corsa atravessou a BR de um lado a outro

Pick Up Corsa atravessou a BR de um lado a outro

Fábio é filho da professora universitária Maria do Socorro Araújo, secretária municipal de Turismo de São Luís. Antes de assumir o cargo na capital em 2015, a professora comandava a Secretaria de Turismo na cidade de São José de Ribamar, no governo Gil Cutrim (PDT).

Secretária Socorro Araújo e o filho Fábio Victor

Secretária Socorro Araújo e o filho Fábio Victor

Ouçam os áudios dos amigos do empresário:

Dono da academia Fitness Club morre em acidente no Campo de Perizes-MA

 
Empresário Fábio Victor Araújo dono da academia Fitness Club

Empresário Fábio Victor Araújo dono da academia Fitness Club

O jovem empresário Fábio Victor Araújo se envolveu num grave acidente no Campo de Perizes, na BR-135. Fábio chegou a ser levado para um hospital no município de Bacabeira, mas não resistiu.

Segundo as primeiras informações, o empresário estava em uma moto e colidiu com um carro. Ele estava com um grupo de amigos de moto a caminho de Teresina-PI.

Fábio Victor era dono da academia Fitness Club, que tem no Aririzal Center e outra na avenida da Cohama, em São Luís-MA.

Post atualizado às 11:10:

Várias fotos sobre o acidente com o empresário estão sendo compartilhadas em grupo de WhatsApp. Nas imagens, a moto de Fábio Victor aparece toda destruída.

Ainda segundo informações, ele bateu frontalmente numa Pick Up Corsa que teria entrado na contramão.

As imagens abaixo são dos amigos de Fábio no hospital:

MP investiga irregularidades em aluguel de imóvel para Funac

Por Luís Pablo Política
 

G1MA

Moradores do bairro Aurora em São Luís reclamam de prédio da Funac

Moradores do bairro Aurora em São Luís reclamam de prédio da Funac

O promotor Lindonjonson Gonçalves de Sousa, da 1ª Promotoria de Defesa do Patrimônio Público e da Probidade Administrativa, investiga desde terça-feira (10) o caso do aluguel de um prédio onde foi instalado o anexo da Fundação da Criança e do Adolescente (Funac) na Aurora, em São Luís.

O governo do Maranhão está pagando aluguel desde 2015, mas o local só começou a funcionar na semana passada e mesmo assim de forma precária. Foram 18 meses de aluguel de uma casa fechada, totalizando um gasto aos cofres públicos de mais de R$ 170 mil.

O dono do prédio é o engenheiro Jean Carlos Oliveira, que aparece na lista de filiados do PCdoB e também é funcionário da Empresa Maranhense de Administração Portuária (EMAP), que administra o Porto do Itaqui.

Autoridades vistoriando o imóvel

Autoridades vistoriando o imóvel

Os moradores entraram na Justiça pedindo a interdição da unidade da Funac e até hoje estão com a rua bloqueada. Representantes do bairro já foram ouvidos pelo promotor.

“O primeiro passo já foi dado: ouvir os moradores que estão mobilizados e suas reivindicações o que fizemos no dia seguinte. Já requisitamos os documentos à Funac. É uma audiência para tratar do assunto dado essa repercussão toda”, explicou.

A Procuradoria Geral do Estado disse que não foi oficialmente comunicada sobre a abertura do inquérito civil.

Vistoria de instalações

A promotora de justiça Emmanuella Bello Peixoto (Defesa da Criança e do Adolescente) vistoriou nesta quarta-feira, 11, as instalações da Unidade de Internação Temporária, no bairro da Aurora, na capital maranhense.

O objetivo foi avaliar as condições do prédio e o atendimento aos sete internos que já estão na unidade.

Flávio Dino e Dedé Macedo de relações cortadas

Por Luís Pablo Política
 
Dedé Macedo e Flávio Dino: relação estremecida

Dedé Macedo e Flávio Dino: relação estremecida

Não convidem para a mesma mesa o governador Flávio Dino (PCdoB) e o empresário Dedé Macedo. Eles estão de relações cortadas.

Para se ter ideia, Dedé não suporta nem ouvir falar em Flávio. O motivo do rompimento foi porque Dino não honrou o compromisso que fez com Macedo.

Dedé Macedo, como todos sabem, foi um grande doador das campanhas de Flávio Dino. E jogou pesado até conseguir fazer o comunista governador do Maranhão.

Foram muitas horas de voo no helicóptero do empresário, além de outras ajudas que Flávio recebeu. Por conta disso, Macedo ficou conhecido como um grande agiota no Estado, chegando a ser acusado pelo então candidato a governador Edinho Lobão (PMDB).

Em entrevista a rádio Mirante, Edinho disse: “O principal financiador da campanha dele [Flávio Dino] é o maior agiota de Teresina, que quebrou várias prefeituras nossa do Maranhão, o empresário Dedé Macedo”.

Toda a exposição em prol de um projeto de poder, não valeu a pena para Macedo. Flávio se elegeu e ele não foi contemplado como pensaria que fosse.

O governo chegou até fazer uma graça para Dedé com a empresa BR Construções (reveja aqui, aqui, aqui, aqui e aqui) , mas para ele não foi o suficiente diante do que fez por Flávio Dino em suas campanhas. A dívida ainda é alta.

Prefeitura de Bacabeira inicia recuperação asfáltica de ruas da cidade

Por Luís Pablo Política
 
Vereadora Kellyane Calvet acompanhando as ações da prefeitura

Vereadora Kellyane Calvet acompanhando as ações da prefeitura

A Prefeitura de Bacabeira-MA, por meio da Secretaria de Infraestrutura e Serviços Públicos do município, iniciou na primeira semana de 2017 a recuperação asfáltica de ruas da cidade.

Os trabalhos começaram pelas ruas do Bairro Capadócia, mais conhecido como Novo Horizonte, e devem atingir vários outros bairros.

A recuperação das vias atende solicitação feita pela vereadora Kellyane Calvet, que esteve nas obras acompanhando o início dos trabalhos.

“Solicitei à prefeita e vou defender sempre na Câmara a recuperação das estradas, porque meu trabalho é defender o desejo do meu povo”. disse a vereadora.

Após caso da Funac, outros aluguéis imorais do governo são descobertos

Por Luís Pablo Política
 
Governo gasta R$ 45 mil por mês em aluguel de imóvel que não funciona

Governo gasta R$ 45 mil por mês em aluguel de imóvel que não funciona

O governo Flávio Dino começou 2017 envolto em polêmicas que ganharam repercussão nacional. Eleito com o discurso da mudança, os últimos acontecimentos provaram que o governador e sua equipe gostam mesmo é de beneficiar seus aliados, assim como fazia Roseana Sarney que era, na época, alvo de criticas severas dos comunistas.

Com a descoberta de que o imóvel alugado para funcionamento da Funac pertence a um aliado político que, além de membro do partido, faz parte também da equipe de um dos órgãos do governo, muita coisa começou a aparecer.

Diversos aluguéis, no minimo imorais, estão vindo à tona e, ao que parece, prometem sacudir o terceiro ano de mandato do governador.

Hoje, por exemplo, foi a vez de descobrir sobre um imóvel alugado desde agosto de 2015 e que servirá como local para a nova Delegacia do Adolescente Infrator – DAI.

Mais uma vez o contrato foi celebrado pela Fundação da Criança e do Adolescente (Funac) e por dispensa de licitação. Localizado no centro de São Luís, o imóvel que foi alugado inacabado e permanece fechado já custou aos cofres do Estado R$ 720 mil.

Ninguém sabe ao certo quantos imóveis nesta mesma situação – alugados de aliados ou sem utilização – ainda serão encontrados até o fim do governo Flávio Dino, mas é certo dizer que o Ministério Pública do Estado precisa investigar e, principalmente, que o governo tem o dever de explicar todos estes absurdos para população.

Rodoviários declaram estado de greve

Por Luís Pablo Cidade
 

Após duas assembleias realizadas nesta quinta-feira, dia 12, o sindicato dos rodoviários decidiu decretar estado de greve.

Segundo o presidente do sindicato dos Rodoviários, Isaías Castelo Branco, a decisão foi tomada devido, entre outras coisas, a série de descumprimentos da convenção coletiva feita em maio de 2016.

Até o momento, por exemplo, funcionários das empresas que não participaram do processo de licitação seguem aguardando o remanejamento para outros postos de trabalho que fora acordado.

O não pagamento de verbas rescisórias, fiscais que ainda não receberam 13º salário, carga horário dobrada e falta de estrutura para trabalhar são mais algumas das situações enfrentadas pela categoria.

Caso não haja procura dos empresários para conversar ou encontrar solução dos problemas registrados pela categoria até segunda-feira (16), de acordo com o sindicato, será emitido uma aviso de paralisação, que ocorrer na sexta-feira (20).

Tema e Irlahi correm risco de não participar de eleição da Famem

Por Luís Pablo Política
 

Cleomar Tema e Irlahi Moraes

Cleomar Tema e Irlahi Moraes

Os dois candidatos inscritos para comandar a presidência da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem), Cleomar Tema e Irlahi Moraes, poderão ficar de fora da disputa.

Ocorre que foi identificado pela Comissão que coordena o processo de eleição para nova diretoria da Famem, pendências nas candidatura de ambos os gestores.

Trata-se da existência de municípios não filiados que estão participando das chapas; documentos enviados em cópias, quando o estatuto da entidade exige vias originais; e substituição de municípios devido a pedidos de renúncia.

Os prefeitos de Tuntum e Rosário, têm 24 horas para conseguir realizar as mudanças necessários para que possam participar da eleição na próxima segunda-feira (16).

Em 2017, prefeita de Governador Eugênio Barros vai torrar mais de R$ 2 milhões com combustíveis e lubrificantes

Por Luís Pablo Política
 

Maria da Luz Bandeira Bezerra Figueiredo, a Daluz,, prefeita de Governador Eugênio Barros

Maria da Luz Bandeira Bezerra Figueiredo, a Daluz,, prefeita de Governador Eugênio Barros

A prefeita reeleita de Governador Eugênio Barros, Maria da Luz Bandeira Bezerra Figueiredo, a Daluz (PSDB), já começou o novo mandato com gastos milionários para os cofres da cidade.

Segundo publicação do Diário Oficial da última segunda-feira (09), a prefeitura irá desembolsar R$ 2.256.080,00 (dois milhões, duzentos e cinquenta e seis mil e oitenta reais) para aquisição de combustíveis e lubrificantes para manutenção das secretarias municipais em 2017.

O valor foi dividido em seis lotes. Destes, a secretaria de Educação é quem pagará a fatia maior R$ 641.800,00, seguida da Saúde com R$ 589.575,00.

Incrivelmente, todos foram vencidos, por meio de pregão, pela empresa J.J.A. de Sousa – ME., que pertence ao empresário Jeremias João Avelino de Sousa.

Confira abaixo todos os contratos:

Flávio Dino vai manter aluguel imoral

Por Luís Pablo Política
 
Governador Flávio Dino faz biquinho para o aluguel imoral

Governador Flávio Dino faz biquinho para o aluguel imoral

O governador Flávio Dino (PCdoB) vai manter o imoral aluguel que o seu governo fez com o imóvel de um membro do seu partido. Toda repercussão – até a nível nacional, não foi suficiente para Dino encerrar o contrato.

O comunista decidiu continuar repassando dinheiro público para o dono da casa, Jean Carlos Oliveira (PCdoB). E o contribuinte maranhense é quem vai pagar a conta.

O imóvel está alugado pelo governo desde agosto de 2016 para funcionar como a nova sede da Funac. O problema é que segundo o Portal da Transparência do próprio governo, há 17 meses estão sendo pagos ao comunista Jean Carlos mais de R$ 9 mil por mês pela locação do imóvel, totalizando já R$ 172 mil.

Após vários meses pagando aluguel com o imóvel vazio, somente na semana passada que os menores infratores foram levados para o local.

Vale ressaltar que o imóvel já foi comitê de campanha do PCdoB, na eleição de 2014, quando Flávio foi candidato ao governo. O local foi utilizado pelo então candidato a deputado estadual Júlio Guterres.