Prefeito de Teresina assina decreto barrando a entrada de maranhenses

Por Luís Pablo Política / Saúde
 
Prefeito Firmino Filho

Prefeito Firmino Filho

O prefeito de Teresina, Firmino Filho (PSDB), assinou um novo decreto nesta segunda-feira (18) que determina medidas mais duras nas barreiras sanitárias situadas entre a capital piauiense e o município de Timon, no Maranhão.

Uma delas é de que, a partir de agora, as pessoas que desejarem entrar em Teresina deverão apresentar documentação e comprovar a necessidade de trafegar entre as cidades.

Conforme o decreto, está permitida a entrada de servidores e empregados públicos, trabalhadores de empresas privadas, funcionários que residem no Maranhão e que atuam em estabelecimentos de serviços essenciais em Teresina.

Sobre a entrada de pessoas que apresentarem problemas de saúde, o secretário do municipal de governo, Fernando Said, explicou que quem apresentar qualquer problema de saúde só poderá ter acesso a Teresina pelo sistema de regulação do SUS ou em casos de urgência ou emergência.

O secretário informou que o novo decreto foi desenvolvido após o aumento significativo de pacientes vindos de outros estados e de municípios, especialmente do Maranhão.

“O que nós temos observado é que tem aumentado muito o número de pacientes de outros estados e municípios em Teresina, especialmente vindo do Maranhão. Então, nós estamos com um decreto regulamentando o controle de entrada de veículos, principalmente vindo do Maranhão”, afirmou.

(Com informações do G1 Piauí)

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários