ABSURDO! Barata é encontrada em alimentação do Hospital da Vila Luizão

Por Luís Pablo Denúncia / Política
 
Barata na alimentação do Hospital da Vila Luizão, em São Luís-MA

Barata na alimentação do Hospital da Vila Luizão, em São Luís-MA

Funcionários do Hospital da Vila Luizão estão revoltados. Em contato com o Blog do Luis Pablo, um deles denunciou o tormento que os servidores têm enfrentado para se alimentar.

O último absurdo foi uma barata encontrada junto com o pão que seria servido no jantar dos funcionários da unidade de saúde.

Antes disso, segundo a denúncia, já foram encontrados larvas de inseto, cabelos e até parafusos nas refeições do local.

“Todos nós funcionários estamos indignados com essa situação. Alguns funcionários estão trazendo a sua comida de casa quando podem e outros estão se recusando a comer, de tanto nojo”,> disse.

Ainda de acordo com a denúncia, a rede de esgoto passa embaixo da cozinha e do refeitório. No local, onde as tampas dos bueiros ficam expostos e o cheiro é terrível.

“Já denunciamos o problema varias vezes para a direção do hospital e eles nunca tomaram nenhuma providência para melhorar essa situação.”

Com a palavra o secretário de Saúde do Estado, Carlos Lula.

INSANIDADE! Deputados aprovam mudança de nome no município de Presidente Sarney a pedido de Flávio

Por Luís Pablo Política
 

Flávio Dino: o Adolf Hitler do MA

Flávio Dino: o Adolf Hitler do MA

É algo doentio a forma como o governador Flávio Dino (PCdoB) tenta aniquilar o grupo Sarney no Maranhão. Até nome de cidade incomoda Flávio. Uma verdadeira insanidade.

A pedido do comunista, a Assembleia Legislativa aprovou segunda-feira (17), um projeto que prevê a realização de um plebiscito para a mudança do nome do município de Presidente Sarney-MA

A cidade, que tem 17 mil habitantes, foi batizado em homenagem ao ex-presidente José Sarney (PMDB). O município foi fundado em 1° de janeiro de 1997 e fica localizada na região conhecida como ‘Baixada Maranhense’.

O autor do projeto é o deputado estadual Bira do Pindaré, ex-secretário do governo comunista. Ele alega que a Constituição Federal proíbe que o nome de pessoas vivas seja atribuído a bens públicos ou de qualquer natureza, incluindo cidades.

O nome do ex-presidente, deputado estadual Adriano Sarney, disse que o plebiscito é mais uma perseguição do governador Flávio Dino à sua família.

“Eu acho que é uma proposta que tem influência do governador. Bira nunca fez nada produtivo e agora ele inventa essa história de mudar nome de município”, disse Adriano.

Gaiolão continua em uso na delegacia de Barra do Corda

Por Luís Pablo Polícia
 
Gaiolão na Delegacia de Barra do Corda, MA

Gaiolão na Delegacia de Barra do Corda, MA

(Com informações do G1MA)

Na tarde de ontem, dia 19, foi registrado imagens em que mostram a presença de presos no ‘gaiolão’ localizado nos fundos da delegacia de Barra do Corda, a 452 km de São Luís. O fato acontece dez dias após a morte do comerciante Francisco Edinei Lima Silva, que passou mal após ficar 18 horas preso no local.

O vídeo mostra os presos no momento em que recebiam visitas dos seus familiares no gaiolão. Nas imagens é possível registrar, pelo menos, dez detentos e cinco familiares no momento.

Na segunda-feira (16), a Justiça do Maranhão iniciou uma inspeção no gaiolão para verificar as condições nas quais o preso foi submetido no interior da delegacia. O G1 entrou em contato com o Governo do Maranhão e aguarda posicionamento sobre o caso.

De acordo com o laudo do Instituto do Médico Legal de Imperatriz, o comerciante de 40 anos, morreu por conta de um AVC (Acidente Vascular Cerebral). Na cela, Francisco passou mal e foi levado a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), onde morreu.

A Defensoria Pública do Maranhão informou que fez um relatório, em fevereiro deste ano, alertando autoridades para a situação desumana dos presos de Barra do Corda.

Após a entrega do relatório as autoridades, a Justiça do Maranhão negou em agosto deste ano um pedido de liminar contra o Estado do Maranhão ajuizado pelo Ministério Público do Maranhão (MP-MA) e Defensoria Pública Estadual (DPE) que solicitava a interdição total da cadeia pública.

O pedido foi negado pelo juiz Antônio Elias de Queiroga Filho, que afirmou que nenhum dos documentos apresentados a título de emenda inicial foram juntados.

A Sociedade Maranhense de Direitos Humanos (SMDH) divulgou nessa terça-feira (17), uma nota repudiando o modelo de Segurança Pública e de Justiça Criminal do Maranhão. Na publicação, a SMDH pede que o Governo do Maranhão interdite de forma imediata o uso de gaiolão no estado.

Prefeita de Bacabeira usa caminhão do PAC em obra particular

Por Luís Pablo Política
 

O Blog do Luis Pablo foi informado sobre uma irregularidade grave que está sendo cometida pela prefeita de Bacabeira, Fernanda Gonçalo, no município.

A gestora tem utilizado um caminhão da prefeitura, que foi doado pelo governo federal, por meio do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), para realizar obras particulares.

A obra, que está localizada na Avenida Humberto de Campos, seria da família da prefeita.

A utilização do caminhão do PAC é exclusivo para as demandas da Prefeitura e não deve, em hipótese alguma, ser destinada à outros fins, de acordo com as regras específicas do Programa.

O caso é grave e merece atenção dos órgãos fiscalizadores.

Júnior Verde se reunirá com a MOB para tratar sobre transporte alternativo

Por Luís Pablo Política
 

O deputado estadual Júnior Verde vai se reunir, no final deste mês, com o novo presidente da Agência Estadual de Mobilidade Urbana e Serviços Públicos (MOB), o delegado Lawrence Melo Pereira, para discutir melhorias nas condições de trabalho no transporte alternativo do Estado.

Na semana passada, o parlamentar participou da Assembleia Geral do Sindicato de São José de Ribamar.

Júnior Verde tem se reunido constantemente com operadores do transporte alternativo, buscando o diálogo com o Governo do Estado no sentido de aprimorar o serviço e dar melhores condições aos trabalhadores.

Em setembro de 2016, graças a uma iniciativa do deputado, a Assembleia Legislativa aprovou em sessão extraordinária o Projeto de Lei n° 143, que alterou o limite de vida útil dos veículos que atuam no setor em todo o Maranhão.

O Projeto de Lei n° 143 alterou a Lei n° 7.768/02, que instituiu o Serviço Público de Transporte Alternativo Intermunicipal de Passageiros do Estado. As mudanças versaram sobre a outorga e a vida útil dos veículos, reivindicações antigas da categoria. O limite dos veículos fabricados com monobloco ficou fixado em 13 anos, e para os veículos fabricados com chassis, 15 anos, obrigando-se ainda a inspeção veicular.

“Precisamos dar continuidade ao diálogo com o Governo do Estado. Vamos continuar buscando avanços, voltando nossos esforços às demandas justas e legítimas como as desses trabalhadores do transporte alternativo”,
garantiu Júnior Verde.

O presidente do Sindicato dos Transportes Alternativos de São José de Ribamar, Michel Alis, com quem o parlamentar se reuniu durante Assembleia Geral, tem boas expectativas. “Já conquistamos avanços importantes, graças ao empenho do deputado Júnior Verde, e ainda vamos buscar mais mudanças, para melhorar nosso trabalho”, avaliou.

No primeiro ano de mandato do deputado, o serviço de transporte alternativo foi regulamentado por meio de Projeto de Lei Ordinária n° 021/2015, de autoria de Júnior Verde e Max Barros, aprovado por unanimidade no Plenário da Assembleia Legislativa.

Ex-prefeito de Santa Helena é condenado pela Justiça Federal

Por Luís Pablo Judiciário / Política
 

Ex-prefeito, Newton Leite Weba

Após ação civil proposta pelo Ministério Público Federal no Maranhão (MPF-MA), Newton Leite Weba, ex-prefeito da cidade de Santa Helena, foi condenado na Justiça Federal pela prática de ato de improbidade administrativa.

De acordo com o MPF, ele foi responsável pela aplicação irregular de recursos públicos entregues através de Contrato de Repasse para construção de um aterro sanitário, obra que foi abandonada antes de sua conclusão.

Segundo o Juiz da 13ª Vara, as verbas públicas não foram convertidas em benefício da população local, pois “(…) a obra está sem funcionalidade, o que indica clara violação do princípio da eficiência.” concluiu o juiz.

Diante disso, a Justiça Federal suspendeu os direitos políticos de Newton Leite Weba pelo prazo de três anos e o proibiu de contratar com o poder público ou receber benefícios fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por meio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo mesmo período.

Além disso, o ex-prefeito foi condenado a pagar multa civil correspondente a dez vezes o valor da última remuneração no cargo de prefeito do município de Santa Helena

Adriano Sarney vota contra projeto de renegociação do BNDES

Por Luís Pablo Política
 

“Estão querendo deixar essa dívida para a próxima governadora”, disse o deputado Adriano Sarney (PV), ao defender o seu voto contrário ao Projeto de Lei Nº 213/2017 que vai permitir ao governo Flávio Dino (PCdoB) renegociar as operações de crédito firmadas com recursos do empréstimo do BNDES, projeto que também está sendo chamado pela oposição de “Programa Mais Juros”, votado nesta quarta-feira (18), na Assembleia.

Segundo Adriano, a proposta do governo comunista, que chega ao fim do mandato em 2018, é alongar o pagamento dos juros (carência) da dívida para 48 meses, além de aumentar o prazo das parcelas (amortização) para 72 meses, ou seja, o governo atual vai pagar mais juros e deixar o grosso da dívida para quem o suceder no Palácio dos Leões.

“A governadora Roseana Sarney deixou para o governo comunista R$ 2,5 bilhões firmados com o BNDES, esse recurso que Flávio Dino está torrando com asfalto de péssima qualidade pelo Estado, tentando a sua reeleição. E agora, em vez de pagar, ele quer deixar para a próxima governadora a dívida de hoje. Isto é um absurdo. Nós já tivemos o “Mais Assalto”, o “Mais Impostos” e agora o “Mais Juros””, resumiu o parlamentar.

Márcio Jardim diz que Weverton Rocha atua para achatar o PT no governo

Por Luís Pablo Política
 

Márcio Jardim e Flávio Dino

O agora ex-secretário estadual de Esporte e Lazer (Sedel), Márcio Jardim (PT), quebrou o silêncio e falou sobre sua saída do comando da pasta. O petista foi substituído, na última sexta-feira (13) por Heverton Rodrigues Pereira, indicado pelo deputado federal André Fufuca (PP).

Em conversa com o titular do Blog do Neto Ferreira, Jardim demonstrou ter rusgas com o deputado federal Weverton Rocha.

Segundo Jardim, a atitude de Rocha, que atuou na aproximação de aliados do grupo Sarney com o governo Flávio Dino, é contraditória.

“A contradição é que Weverton quer apoio do PT tendo candidato contra Lula e ainda atua para achatar a legenda dentro do governo Flávio Dino. É difícil entender como é possível harmonizar isso”, explicou Márcio Jardim.

Além da declaração nada amistosa com relação a Weverton, Jardim revelou que com sua saída da Sedel irá se dedicar a participar dos eventos de Lula pelo país e a reuniões com lideranças do PT nacional.

Sobre a situação do partido no governo Flávio Dino após sua saída da pasta, Jardim preferiu não comentar. “Eu estou em dias sabáticos para silêncio obsequioso”, disse.

Nos resta saber até quando esse silêncio irá durar…

Parte de três ilhas de Sarney no MA está à venda por R$ 37 milhões

Por Luís Pablo Política
 
Ilha do ex-presidente José Sarney no Maranhão

Ilha do ex-presidente José Sarney no Maranhão

Quem quiser ser vizinho do ex-presidente José Sarney (PMDB) em uma de suas ilhas no Maranhão, terá que desembolsar R$ 37 milhões.

O conhecido corretor de Brasília, José Lírio de Aguiar, já está oferecendo a área. Está à venda 12,5% de três ilhas da família Sarney.

São 2 milhões de metros quadrados de uma área de 16 milhões de metros, segundo informou o jornalista Cláudio Humberto, em seu portal Diário do Poder.

As ilhas Curupu, onde Sarney e seus filhos têm casas, a Mogijana e De Fora ou Corimã foram avaliadas em R$ 200 milhões. Uma verdadeira fortuna.

Prefeito de Viana tem mais de 60% de aprovação, aponta pesquisa

Por Luís Pablo Política
 

Prefeito Magrado

Prefeito Magrado

O prefeito do município de Viana-MA, Magrado Barros, vem mantendo uma boa avaliação popular.

Eleito em outubro do ano passado, Magrado tem mais de 60% de aprovação com quase 10 meses de administração.

Pesquisa realizada pelo Instituto Escutec, apontou que o prefeito tem 64,6% de aprovação. Apenas 34,0% desaprovaram a atual gestão. Não souberam ou não responderam 1,4%.

O Escutec ouviu 600 no dia 15 à 18 de setembro. O intervalo de confiança foi de 95%, com margem de erro de 4% para mais ou para menos.

O resultado da pesquisa é fruto dos benefícios que o prefeito Magrado Barros tem conseguido para o município, através de parcerias com os governos do estado e federal.

ABAIXO IMAGEM DA PESQUISA ESCUTEC: