Em um mês, Maranhão salta de 1 morte por novo coronavírus para mais de 200

Por Luís Pablo Saúde
 

Os casos de morte pelo novo coronavírus no Estado do Maranhão seguem crescendo. Para se ter ideia, em um mês o número saltou de 1 óbito no dia 29 de março para 204 mortes, de acordo com o boletim divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde, na noite de ontem (30).

Durante esse período, o número de casos cresceu de 23 confirmados para 3.506. Atualmente, São Luís é a 5ª cidade do país com maior mortalidade por Covid-19, atrás de Manacapuru (AM), São Lourenço da Mata (PE), Recife (PE) e Manaus (AM).

Em razão do número elevado de mortes, a Justiça do Maranhão decretou o ‘lockdown’ (bloqueio total) em quatro municípios da Região Metropolitana de São Luís, pelo prazo de dez dias, a partir da próxima terça-feira, dia 5.

Flávio Dino afirma que barreiras serão montadas na Região Metropolitana de São Luís para garantir lockdown

Por Luís Pablo Política
 
O governador do Maranhão, Flávio Dino (PcdoB), deu uma entrevista coletiva nesta sexta-feira (1º)

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PcdoB), deu uma entrevista coletiva nesta sexta-feira (1º)

Na manhã de hoje, dia 1º, o governador Flávio Dino deu entrevista coletiva para falar sobre a decisão da Justiça, que obrigou o Estado a estabelecer o bloqueio total (lockdown) das atividades não essenciais na Região Metropolitana de São Luís.

Flávio afirmou que haverá a implantação de barreiras na entrada e saída de São Luís e nas principais avenidas da cidade, com pontos de controle, para que só circulem as pessoas que trabalham em atividades essências ou que tenham alguma necessidade emergencial, como, por exemplo, acesso aos serviços de saúde.

O governador não deu detalhes sobre como será feita a fiscalização do tráfego de veículos e pessoas na Região Metropolitana, que abrange as cidades de São José de Ribamar, Paço do Lumiar, Raposa e a capital São Luís.

Segundo Dino, essas ações serão debatidas com sua equipe e, neste domingo (3), elas serão divulgadas no decreto do bloqueio total, que entra em vigor na terça-feira (5), pelo prazo de 10 dias. Mas ele adiantou que haverá punição para quem não cumprir as normas.

COVID-19! Saiba o que muda na rotina da Grande São Luís com o lockdown

Por Luís Pablo Saúde
 
Lockdown vai durar dez dias em toda a Região Metropolitana de São Luís

Lockdown vai durar dez dias em toda a Região Metropolitana de São Luís

Na próxima terça-feira, dia dia 5, quatro cidades da Região Metropolitana de São Luís (São José de Ribamar, Paço do Lumiar, Raposa e a capital maranhense) serão as primeiras do país a adotar o ‘lockdown’ (bloqueio total) em razão do novo coronavírus (Covid-19).

A medida foi determinada pelo juiz Douglas de Melo Martins, a partir de ação do Ministério Público do Maranhão. O governador do Maranhão, Flávio Dino, informou que vai acatar a determinação da Justiça e que as atividades essenciais serão mantidas.

Abaixo a relação de como será o ‘lockdown’ na Grande São Luís:

Suspensão das atividades não essenciais, com exceção de serviços de alimentação, farmácias, portos e indústrias que trabalham em turnos de 24 horas;

Proibição da entrada e saída de veículos por dez dias, com exceção para caminhões, ambulâncias, veículos transportando pessoas para atendimento de saúde e atividades de segurança;

Suspensão da circulação de veículos particulares, sendo autorizados somente a saída para compra de alimentos ou medicamentos, para transporte de pessoas e atendimento de saúde, serviços de segurança ou considerados essenciais;

Limitação da circulação de pessoas em espaços públicos;

Bancos e lotéricas abrem apenas para o pagamento do auxílio emergencial, salários e benefícios sem lotação máxima nesses ambientes, com organização de filas;
O uso de máscara continua sendo obrigatório.

Prefeitura de Miranda do Norte vai fazer distribuição de cestas básicas para alunos

Por Luís Pablo Política
 
Funcionários da Prefeitura de Miranda do Norte empenhados na montagem das cestas básicas para os alunos

Funcionários da Prefeitura de Miranda do Norte empenhados na montagem das cestas básicas para os alunos

A Prefeitura de Miranda do Norte, por meio da Secretaria Municipal de Educação, está montando diversas cestas básicas para fazer a distribuição aos alunos da rede pública de ensino. A entrega irá ser realizada na próxima segunda-feira, dia 4.

O benefício aos estudantes faz parte do recurso da merenda, que foi aprovado pelo Congresso e sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro. Um dos parlamentares que votou pela aprovação foi o deputado federal Júnior Lourenço, aliado do prefeito da cidade, Carlos Eduardo Fonseca Belfort, o Negão.

As cestas básicas irá beneficiar milhares de alunos de Miranda do Norte.

“As pessoas estão brincando e outros estão morrendo”, diz juiz que decretou lockdown na Região Metropolitana

Por Luís Pablo Saúde
 
Juiz Douglas de Melo Martins determinou 'lockdown' na Região Metropolitana de São Luís

Juiz Douglas de Melo Martins determinou ‘lockdown’ na Região Metropolitana de São Luís

O juiz Douglas de Melo Martins, da Vara de Interesses Difusos e Coletivos da Comarca da Ilha de São Luís, que determinou o lockdown na Região Metropolitana de São Luís nesta quinta-feira (30), disse que decidiu acatar a decisão porque as medidas adotadas até agora estavam sendo insuficientes para convencer a população sobre a importância do isolamento social para combater o novo coronavírus.

De acordo com Douglas de Melo, a população maranhense está ‘brincando’ sobre o assunto e não está levando a sério as recomendações de saúde impostas pela Organização Mundial de Saúde (OMS), do Ministério da Saúde e da Secretaria de Estado da Saúde (SES).

“As medidas adotadas até agora são insuficientes para convencer as pessoas, só as medidas de convencimento, de educação, não funcionaram. Nós não estamos tratando de uma brincadeira, nós estamos tratando de uma pandemia que afetou todas as nações de forma drástica, nem a mais poderosa do mundo conseguiu responder a essa pandemia, sem as medidas de isolamento social”, disse o juiz.

A decisão determina que somente os serviços considerados essenciais tais como supermercados, farmácias e portos e indústrias que trabalham em turnos de 24 horas, devem continuar funcionando nos municípios. Os órgãos de fiscalização municipal e estadual, como Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Vigilância Sanitária e Guarda Municipal, serão responsáveis pela fiscalização.

Segundo o juiz, toda a população estará sujeita à fiscalização e pode ser punida em caso de descumprimento. Caso seja necessário sair de casa, ao ser parado durante a blitz, a pessoa deverá apresentar uma prova do motivo no qual está fora do seu domicílio. Por exemplo, trabalhadores de serviços essenciais deverão mostrar crachá do seu local de trabalho.

Motoristas de ônibus, transporte de aplicativos, transporte publico vão continuar funcionando, mas somente para o transporte de trabalhadores de serviços essenciais. Douglas de Melo Martins alertou que a população não precisa ter pânico, nem correr para os supermercados para estocar alimentos, já que os serviços vão continuar funcionando.

“Levem a sério a decisão, não brinquem com isso. As pessoas estão brincando e outros estão morrendo por causa disso, com essa falta de responsabilidade”, disse Douglas de Melo Martins.

(Com informações do G1MA)

Maranhão tem 184 mortos e mais de 3 mil infectados pelo novo coronavírus

Por Luís Pablo Saúde
 
Maranhão chegou a marca de 78 municípios com casos do novo coronavírus

Maranhão chegou a marca de 78 municípios com casos do novo coronavírus

O Maranhão chegou a 184 mortos por Covid-19, segundo dados da Secretaria de Estado da Saúde (SES) divulgados na noite desta quarta-feira (29). Nas últimas 24h, foram 18 óbitos confirmados em São Luís, Morros, Santa Rita, São José de Ribamar e Imperatriz. O estado tem 734 pessoas curadas da doença.

Segundo a SES, são 3190 infectados em 78 municípios do Maranhão. Das pessoas que estão em tratamento, 1741 estão em isolamento domiciliar, 340 estão em enfermarias e 191 em leitos de UTI.

São 8171 casos suspeitos e 4169 já foram descartados. Foram realizados até a noite desta quarta-feira, 7355 exames laboratoriais para diagnóstico da Covid-19.

Os profissionais de saúde infectados pelo novo coronavírus são 408 e destes, 312 estão curados e oito morreram.

Das pessoas mortas pela doença no estado, 119 são homens e 65 são mulheres. Outro dado é quanto as doenças que as vítimas já tinham, como diabetes e hipertensão, por exemplo, que comprometem o sistema imunológico das pessoas. Ao todo, 142 pessoas já tinham doenças e 42 não tinham comorbidades.

(Com informações do G1MA)

UMA BOA NOTÍCIA! Mais de 700 pessoas estão curadas da Covid-19 no Maranhão

Por Luís Pablo Política / Saúde
 
Curado da Covid-19, vereador comemora volta para casa, mas entra em nova batalha pelo filho na UTI

Curado da Covid-19, vereador comemora volta para casa, mas entra em nova batalha pelo filho na UTI

Uma notícia boa em meio a esse turbilhão de informações negativas sobre o número de óbitos pelo novo coronavírus, foi divulgada pela Secretaria de Estado da Saúde (SES).

Segundo os dados do boletim epidemiológico, 734 pessoas foram da Covid-19 no Estado do Maranhão.

Um dos casos de pacientes curados no Maranhão foi da Aldene da Silva Nascimento, que ficou internada no Hospital Macroregional de Imperatriz. Quando voltou pra casa, Aldene foi recebida com festa e até foguetório pela família e amigos.

Outro caso de uma pessoa curada no Maranhão foi do vereador de Imperatriz, Manoel Conceição de Almeida, o Bebé Taxista (PEN). Ele chegou a ficar seis dias na UTI do Hospital Santa Mônica e se recuperou. Depois que saiu do hospital, o vereador pediu orações para o filho, que também está doente e em tratamento na UTI.

Flávio Dino anuncia endurecimento de medidas: “vamos bloquear a Rua Grande”

Por Luís Pablo Política / Saúde
 
Rua Grande, em São Luís-MA

Rua Grande, em São Luís-MA

A Rua Grande, principal centro comercial de São Luís-MA, foi bloqueado a partir das 7h da manhã de hoje, dia 30, para evitar a crescente movimentação de pessoas no local, durante este período de quarentena.

A medida foi anunciada pelo governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), em sua rede social. “Vamos bloquear a Rua Grande, que tem injustificadas aglomerações de pessoas”.

Flávio Dino informou ainda que a Rua Grande “vai continuar fechado, enquanto for necessário”.

Além da grande circulação de pessoas em vias públicas, como na Rua Grande, o uso obrigatório de máscaras em ambientes coletivos também não vem sendo cumprido por muita gente.

O índice de isolamento social no Estado caiu durante o mês de abril. No final do mês passado, o isolamento chegou a se aproximar dos 70% em todo Maranhão, mas nesta segunda, dia 27, já estava em 52,1%. O que é lamentável.

André Fufuca anuncia a entrega de 10 toneladas no MA; 6 foram anunciadas nas lives de Wesley Safadão e Mano Walter

Por Luís Pablo Política
 
Deputado André Fufuca

Deputado André Fufuca

O deputado federal André Fufuca divulgou um vídeo na sua rede social informando a entrega de 10 toneladas de alimentos em prol das pessoas afetadas pelas enchentes e das que tiveram sua rende diminuída em razão do novo coronavírus no Estado do Maranhão.

Das 10 toneladas, 6 foram anunciadas nas lives dos cantores Wesley Safadão e Mano Walter, sendo 3 toneladas em cada live e que serão distribuídas aos municípios maranhenses.

“Isso é uma contribuição que faço como cidadão, como deputado federal continuaremos lutando na frente de outros projetos como: décimo terceiro para o BPC (Benefício de Prestação Continuada), o auxilio de R$ 600 a todos que precisam e vários outros projetos que estamos lutando em Brasília. Com fé em Deus, todos juntos sairemos vitoriosos de mais uma batalha”, disse André.

CLIQUE E VEJA:

Prefeita de Vitória do Mearim anuncia que seu marido contraiu Covid-19

Por Luís Pablo Saúde
 
Promotor aposentado Almir Coêlho ao lado da esposa e prefeita Dídima

Promotor aposentado Almir Coêlho ao lado da esposa e prefeita Dídima

Foi anunciado ontem, dia 27, pela prefeita de Vitória do Mearim-MA, Dídima Coelho, que o seu marido Almir Coelho, promotor de Justiça aposentado, testou positivo para o novo coronavírus (Covid-19). O anúncio foi feito em sua rede social.

Dídima disse que, além do marido, “mais dois casos foram confirmados, totalizando nove pessoas com novo Coronavírus aqui em Vitória do Mearim. Um número alarmante!”