Mariano foi encontrado enforcado no seu apartamento em Teresina

Por Luís Pablo Polícia
 
Médico Mariano

Médico Mariano

O médico Mariano Castro Silva foi encontrado morto, na noite de hoje (12), por enforcamento no prédio onde cumpria prisão domiciliar, em Teresina.

A informação é do jornalista Arimateia Azevedo, do Portal AZ, no Piauí.

No local estão equipes da Polícia Civil e do IML (Instituto Médico Legal).

Mariano foi preso pela Polícia Federal por ser apontado como operador de um grande escândalo financeiro no setor da saúde do governo Flávio Dino.

Durante o período que ficou no presídio de Pedrinhas, em São Luís-MA, o médico escreveu uma carta revelando como funcionava o esquema na saúde e citou vários nomes. Veja aqui e aqui.

URGENTE! Operador do esquema na saúde do governo Flávio Dino se suicida

Por Luís Pablo Política
 
Médico Mariano de Castro Silva

Médico Mariano de Castro Silva

O médico Mariano de Castro Silva acabou de se suicidar. A informação foi confirmada pelo delegado geral Riedel Batista.

Segundo informações repassadas ao Blog do Luís Pablo, ele morreu em sua residência, no bairro Ininga, Zona Leste, próximo ao Shopping Riverside, em Teresina-PI.

Mariano vinha cumprindo prisão dominciliar, após ter sido alvo da Operação Pegadores, 5ª fase da Sermão aos Peixes deflagrada pela Polícia Federal, que investiga um desvio milionário na saúde pública do Maranhão.

A PF acusou o médico de ser o operador de um grande esquema na Secretaria de Saúde do no governo Flávio Dino.

A polícia de Teresina encontra-se no local. Abaixo imagens obtidas pelo Blog do Luís Pablo:

Polícia no local onde Mariano se suicidou

Polícia no local onde Mariano se suicidou

Fabio Braga e prefeito Batista garantem melhorias para Boa Vista do Gurupi

Por Luís Pablo Política
 

O deputado Fábio Braga (SD) registrou, na tribuna da Assembleia Legislativa, o empenho do prefeito de Boa Vista do Gurupi, Batista Oliveira, em busca de melhorias para o município.

Na última terça-feira (10), eles estivemos reunidos com o secretário de Infraestrutura, Clayton Noleto, que confirmou o andamento de várias obras para a região.

O parlamentar destacou que, por meio da Sinfra, Boa Vista do Gurupi será beneficiada com a construção da primeira escola estadual, um investimento de quase dois milhões de reais que possibilitará a melhoria na qualidade do ensino. A escola vai comportar um grande número de alunos que hoje frequentam uma escola cedida pelo município.

Além disso, a cidade também será incluída no Programa Mais Asfalto e com o projeto do cais que já está em fase final.

Fábio Braga deu total suporte e apoio para a consolidação de mais essas conquistas e lembrou que, apesar das dificuldades financeiras, o prefeito Batista busca, incessantemente, recursos tanto da ordem estadual quanto federal.

“Nós estamos dando total apoio ao prefeito na busca por melhorias para cidade. A população, em um curto espaço de tempo, terá com certeza uma cidade bem mais aconchegante e estruturada”, finalizou.

Também participaram do encontro os assessores e articuladores políticos do Governo do Maranhão, Carlos Quemel e Celijane, e o prefeito de Junco do Maranhão, Antônio Filho.

Prefeito de Vargem Grande trata alunos de forma criminosa

Por Luís Pablo Política
 

Prefeito Carlinhos Barros

Crime. Essa é a palavra que melhor resume a atitude que vem tendo o prefeito de Vargem Grande, Carlinhos Barros, com alunos da rede municipal de ensino.

O Blog do Luís Pablo recebeu imagens da merenda que tem sido servida aos estudantes de Vargem Grande. (veja abaixo)

Um macarrão, feito sem qualquer orientação nutricional e colocado em local inadequado, acompanhado de uma pedaço de melancia.

A merenda, no mínimo, absurda revoltou os pais dos alunos.

A gestão de Carlinhos Barros tem sido duramente criticada e já foi alvo de investigação. O prefeito, inclusive, chegou a ter sido acionado pelo Ministério Púbico, que pediu na Justiça o bloqueio de seus bens. Reveja aqui

Macarrão servido aos alunos

Alunos comem macarrão com melancia na merenda

VÍDEO! Irmão do presidente da Câmara de Pio XII mostra bunda a adolescentes

Por Luís Pablo Política
 
Irmão do presidente da Câmara de Pio XII-MA em gesto obsceno para adolescentes

Irmão do presidente da Câmara de Pio XII-MA em gesto obsceno para adolescentes

A equipe de reportagem do Blog do Luís Pablo recebeu imagens obscenas do irmão do presidente da Câmara de Pio XII-MA, vereador Josué Lima.

No vídeo, Beroaldo Lima aparece mostrando a bunda para um grupo de adolescentes. Um deles filma o ato deplorável do irmão do vereador.

Beroaldo Lima é assessor da Secretaria Municipal de Agricultura de Pio XII. Clique e veja:

Mário Jerry pressionado e chantageado

Por Luís Pablo Política
 
Secretário Márcio Jerry

Secretário Márcio Jerry

O ex-supersecretário do governo Flávio Dino e pré-candidato a deputado federal, Márcio Jerry (PCdoB), recebeu uma mensagem ameaçadora de um dos alvos da Operação Pegadores, 5ª fase da Sermão aos Peixes, da Polícia Federal.

Fontes do Blog do Luís Pablo informaram que a pessoa disse que não vou ficar na pior e que, “se não pagar a empresa, vai abrir a boca.”

A empresa é ligada ao investigado(a) e ficou sem receber alguns repasses pelos serviços prestados para saúde pública do Maranhão.

Apesar da acusação de desvio milionário na saúde, o (ou a) investigado(a) está usando carro emprestado. Por isso, decidiu pressionar e chantagear Jerry.

Lobão procura Rubens Júnior para defender empresa do filho

Por Luís Pablo Política
 
Senador Edison Lobão

Senador Edison Lobão

O senador maranhense Edison Lobão (MDB) ligou para o deputado federal Rubens Pereira Júnior (PCdoB) para sair em defesa da empresa Hytec Construções, que pertence ao seu filho Luciano Lobão.

Lobão procurou Rubens Júnior porque o deputado entrou com uma representação junto ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), para apurar a responsabilidade da empresa Hytec, contratada para realizar o asfaltamento da BR-226 no Maranhão (entre Timon e Presidente Dutra).

Além de entrar com a representação, o deputado também fez um pronunciamento na Câmara cobrando providência para entrega da obra. “Após mais de um ano do contrato assinado, dos 100kM previstos, apenas 5kM da rodovia foram iniciados. Neste ritmo, a Hytec demorará 40 anos para concluir a construção”, disse.

Em sua rede social, Rubens Júnior disse que Lobão responsabilizou o DNIT pelo atraso da obra. Veja abaixo:

Presidente da Assembleia e vários deputados repudiam agressões verbais de professor do Curso Wellington

Por Luís Pablo Política
 
Presidente da Assembleia, Othelino Neto

Presidente da Assembleia, Othelino Neto

Um ato verbalmente agressivo de um professor identificado como Hilton Franco, do Curso Wellington, gerou grande revolta na Assembleia Legislativa do Maranhão.

Por meio da rede social, o professou utilizou palavras de baixo calão contra a deputada estadual pelo Rio Grande do Sul e pré-candidata à presidência da República, Manuela D’ávila (PCdoB). Ele chamou a parlamentar de “vaca”, “vagabunda” e “mulherzinha”.

O presidente do Poder Legislativo, Othelino Neto (PCdoB), foi o primeiro a se manifestar. Em seu Twitter, Othelino disse que a atitude do professor foi uma “estupidez, desinformação, desrespeito e preconceito. Lamentável!”.

Presidente da Assembleia, Othelino Neto, usa sua rede social para repudiar ato machista

Presidente da Assembleia, Othelino Neto, usa sua rede social para repudiar ato machista

Além do presidente da Assembleia, o líder do governo Rogério Cafeteira também se manifestou pelas suas redes sociais com indignação. Cafeteira disse que a declaração do professor foi “nojenta”.

Deputado Wellington do Curso e o professor Hilton Franco

Deputado Wellington do Curso e o professor Hilton Franco

Durante a sessão plenária de ontem, dia 11, os deputados Professor Marco Aurélio (PCdoB) e Francisca Primo (PCdoB) repudiaram as agressões verbais do professor contra a deputada nas redes sociais.

Os parlamentares classificaram a atitude como repugnante e prestaram solidariedade à colega de partido.

O professor Hilton Franco tem um blog que utiliza para defender o deputado Wellington do Curso, que ainda não se manifestou sobre o ato do seu defensor.

Abaixo as agressões do professor:

Clique e veja os discurso da deputado Francisca Primo:

ALÔ, MP! Suspeita de favorecimento de licitação milionária em Balsas

Por Luís Pablo Política
 
Prefeito Erik Augusto Silva

Prefeito Erik Augusto Silva

O Blog do Luís Pablo recebeu uma gravíssima denúncia envolvendo a Prefeitura de Balsas-MA, comandada pelo médico Erik Augusto Silva.

A denúncia é sobre um processo licitatório milionário que já foi parar na Justiça. A licitação é para prestação de serviços de “limpeza urbana, coleta, transporte, disposição final e gestão de resíduos domiciliares.”

A concorrência de número 011/2017 foi aberta em 23 de janeiro de 2018 e uma única empresa foi habilitada para o certame. Ocorre, que a prefeitura não aceitou a empresa classificada e emitiu um parecer com fracas alegações, anulando a licitação.

Por conta disso, o processo licitatório ficou sub judice. O relator da ação é o desembargador José Jorge Figueiredo dos Anjos.

Diante disso, a Prefeitura de Balsas resolveu lançar um novo edital (concorrência 01/2018), onde seis empresas se habilitaram no processo. Para a surpresa dos responsáveis pelo certame, a empresa que apresentou o menor preço foi justamente a que ganhou a primeira licitação.

Todos tomaram um susto quando os envelopes de proposta de preço foram abertos, na última sexta-feira, dia 6. O mais estranho é que não bateram o martelo em torno da empresa vencedora e marcaram uma nova sessão para amanhã, dia 12.

O contrato no valor de R$ 13,8 milhões é da Secretaria Municipal de Infraestrutura, comandada pelo vice-prefeito Celso Henrique Borgneth (PT), genro do conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Washington Oliveira.

O titular do Blog apurou que uma das empresas que participaram da licitação pertence a um sobrinho do prefeito, sem contar também que empresas que nunca trabalharam com limpeza pública que estão na concorrência, mas essa é uma outra história que será denunciado aqui.

Amanhã tudo pode acontecer e o Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (GAECO) do Ministério Público precisa ficar de olho.

Operador revela em carta-bomba esquema milionário de Pacheco na Saúde

Por Luís Pablo Política
 
Ex-secretário de Saúde do governo, médico Marcos Pacheco

Ex-secretário de Saúde do governo, médico Marcos Pacheco

O homem apontado como operador da saúde pública do Maranhão no governo Flávio Dino, médico Mariano de Castro Silva, revelou em sua carta-bomba – divulgada com exclusividade pelo Blog do Neto Ferreira – que o ex-secretário de Estado da Saúde, médico Marcos Pacheco se envolveu num esquema milionário na SES.

Segundo Mariano, o ex-secretário aumentou em mais de R$ 2 milhões um contrato com o IDAC (Instituto de Desenvolvimento e Apoio a Cidadania) “sem passar pela rede e sem explicação plausível.” O contrato de R$ 6,5 milhões passou para R$ 8,5 milhões.

O operador cita também no esquema milionário envolvendo o ex-secretário Pacheco, a ex-secretária adjunta de Finanças, Claudete Veiga, e a ex-secretária adjunta de Rede da Saúde, Ana Lúcia Nunes.

“O IDAC fez um contrato de maio a junho de 2015 – incluindo vários serviços extras nos hospitais: Aquiles Lisboa, Carutapera, Barreirinhas e Paulino Neves… no valor de R$ 6.500.000 [supostamente o valor de seis milhões e meio de reais referente aos três hospitais] já com os serviços extras, serviços estes justados em um plano e uma tabela por Luís Marques [mais conhecido com Luís Júnior – então superintendente da Rede de Saúde que foi preso na Operação Pegadores], Luís Henrique e Laércio… não participei desta confecção. Depois este contrato foi renovado por três meses… já tinha até 500 mil para Stents. E em novembro de 2015 com o mesmo objeto o contrato foi renovado por 8.5000.000,000 [oito milhões e meio de reais] – já tinha possibilidade de pagar tudo que tinha no plano e contrato do IDAC por aquele valor de 6.5000.000,00 [seis milhões e meio de reais] – agora com um contrato de 8.500.000,00 [oito milhões e meio de reais] sem passar pela rede e sem explicação plausível… questionei Marcos Pacheco, Ana Lúcia e Claudete,” diz o médico Mariano em um trecho da carta.

Marcos Pacheco foi exonerado do governo meses depois da assinatura desse contrato com o IDAC, em abril de 2016. Ele foi surpreendido quando soube da demissão porque estava numa reunião com membros do Banco Mundial, no próprio Palácio dos Leões, tratando de empréstimos para a área da saúde. Relembre aqui.

Para não sair humilhado, o governador Flávio Dino abrigou Pacheco no cargo de secretário extraordinário de Articulação de Políticas Públicas.