Belo é preso por show aglomerado durante a pandemia

Por Luís Pablo Polícia
 
Cantor Belo é preso no Rio

Cantor Belo é preso no Rio

O cantor Marcelo Pires Vieira, o Belo, foi preso nesta quarta-feira (17) pela Delegacia de Combate às Drogas (DCOD), da Polícia Civil do Rio de Janeiro.

O artista é investigado pela realização de um show no Complexo da Maré, Zona Norte do Rio, apesar das proibições devido à pandemia.

Belo foi preso em Angra dos Reis, na Costa Verde. Em uma produtora na cidade, foram apreendidos equipamentos, documentos e veículos.

Como o evento no interior da Escola Municipal do Parque União no último sábado (13) não teve autorização da Secretaria Municipal de Saúde, a polícia também investiga a invasão ao colégio.

Segundo investigadores, as salas de aula do Ciep 326- Professor César Pernetta foram utilizadas como camarotes do show. A aparelhagem de som da produtora também foi apreendida.

A DCOD abriu um inquérito e, nesta quarta, cumpriu quatro mandados de prisão preventiva e cinco de busca e apreensão. Uma das buscas foi na sede da empresa que organizou o evento, a produtora Série Gold.

Os quatro mandados de prisão preventiva são contra:

Marcelo Pires Vieira, o Belo, cantor
Célio Caetano, sócio da produtora
Henriques Marques, o Rick, sócio da produtora
Jorge Luiz Moura Barbosa, o Alvarenga, chefe do tráfico no Parque União

Nas redes sociais, fãs postaram vídeos em cima do palco na hora do show, onde é possível ver uma grande aglomeração.

(Com informações do G1)

Terceira onda da Covid pode fazer Governo decretar lockdown no Ma

Por Luís Pablo Política
 

O sinal vermelho para Covid-19 no Maranhão está aceso. O secretário de Saúde, Carlos Lula, chegou a declarar nesta terça-feira (16), durante entrevista coletiva, que é muito provável que a nova variante do coronavírus já esteja no Brasil inteiro. A nova cepa seria a terceira onda da pandemia.

As restrições impostas pela Justiça para a não realização de eventos até a próxima quinta-feira (18); o decreto estadual cancelando as festividades carnavalescas; e a suspensão do ponto facultativo nos municípios maranhenses; parecem que não foram suficientes para frear o avanço da doença.

A taxa de ocupação dos leitos de UTI e de leitos clínicos exclusivos para a Covid-19 continuam subindo. Segundo o último boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), no dia 15 de fevereiro, 93,65% dos leitos de UTI estão ocupados na Grande Ilha; com apenas oito disponíveis.

Quase 50% dos leitos clínicos já estão ocupados. Em Imperatriz, segunda maior cidade do estado, a situação também é preocupante. Lá, 91,36% dos leitos clínicos estão ocupados, restando apenas sete. Com relação aos leitos de UTI, 78,13% estão preenchidos. O que significa dizer que dos 32 leitos de UTI disponíveis, apenas 7 estão disponíveis em Imperatriz.

Vale lembrar que houve uma alta nas taxas de ocupação dos leitos de UTI e clínicos nos boletins do dia 14 para o dia 15 de fevereiro. Em São Luís, o aumento foi de 90,48% para 93,65%, em relação aos leitos de UTI. Com relação aos novos casos, saltou de 154 para 213, um acréscimo de 38,31%. Essa alta foi registrada em apenas 24 horas. Dez óbitos foram notificados em cada informativo.

Com essa tendência de aumento, mesmo com a imposição de medidas restritivas, o Governo do Estado deve endurecer ainda mais e adotar medidas mais drásticas. Um novo lockdown pode ser decretado a qualquer momento para que o sistema de saúde não entre em colapso e milhares de vidas não sejam ceifadas.

Secretário de Saúde alerta sobre uma terceira onda da Covid-19 no MA

Por Luís Pablo Política
 

Nova variante é mais contagiosa e já apresenta casos de reinfecção

O aumento no número de casos de Covid-19 tem preocupado os governantes. O secretário de Saúde do Maranhão, Carlos Lula, concedeu uma entrevista, na manhã desta terça-feira (16), fazendo um alerta sobre a possibilidade de estarmos vivendo uma terceira onda com a nova variante, mais transmissível que a primeira.

Outro fator que preocupa é o aumento na taxa de reinfecção. “A gravidade da situação de Manaus, quando a gente conversa com o secretário do Amazonas, aparenta que a nova cepa tem dois problemas: é mais transmissível e há casos de reinfecção mesmo em quem já teve a covid. Então aqueles que tiveram a covid-19 não estão imunes a essa nova cepa (…) de fato, é muito grave”, frisou o secretário.

Carlos Lula falou que no ritmo que segue a vacinação, dificilmente, o Brasil vai conseguir imunizar metade da população até o meio deste ano, como anunciou o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello.

Outra grande preocupação do secretário é a postura da população diante da Covid-19. “Parece que a sociedade já normalizou a doença. É uma situação alarmante e gravíssima”, pontuou.

Médico é acusado de espancar mulher com socos e pontapés em São Luís

Por Luís Pablo Polícia
 
Médico Fernando França

Médico Fernando França

O médico nutrólogo Fernando Ricardo Assunção França, de 38 anos, foi acusado pela sua ex-namorada (estudante de medicina) de agressão física e verbal.

A vítima, de 26 anos e que preferiu não se identificar, registrou um B.O. (Boletim de Ocorrência) relatando que foi espancada com socos e pontapés.

Segundo ela, “após terminar seu relacionamento sofre até hoje por violência verbal e psicológica”.

A primeira agressão ocorreu em dezembro do ano passado, na entrada do condomínio Farol da Ilha. Ela disse que um segurança do condomínio lhe ajudou “a se desvencilhar das agressões sofridas”.

Médico especialista em performance

Médico especialista em performance

No dia da agressão, a vítima relatou que não conseguiu pegar seu veículo e que quando foi buscar as portas estavam amassadas. “O autor assumiu em uma conversa no Whatsapp que foi ele quem danificou o carro”.

No boletim diz também que, no final do mês de janeiro deste ano, o médico trancou a vítima no seu apartamento (cometendo crime de cárcere privado) e lhe chamou de “prostituta, vagabunda e filha da puta”.

Dr. Fernando França, como é conhecido, também foi acusado de invadir a residência da mãe da ex-companheira. “O autor foi até a casa da sua mãe, derrubou o portão e ameaçava todos os moradores. Que pode provar tudo que está afirmando por meio de fotos, conversas, vídeos e testemunhas que estavam na sua residência”.

A vítima vai pedir à Justiça medidas protetivas de urgência e representar criminalmente o médico por estar abalada psicologicamente e com síndrome de pânico.

ABAIXO O BOLETIM DE OCORRÊNCIA:

Homem é preso após agredir companheira em plena rua de São Luís

Por Luís Pablo Política
 

Vítima foi agredida em uma rua no bairro Cohatrac

Um homem foi preso, na manhã desta segunda-feira (15), por agredir a companheira em uma rua no Cohatrac, em São Luís. A prisão foi efetuada por policiais civis, após denúncias de vizinhos que foram à delegacia do bairro.

Os policiais foram ao local e constataram o flagrante. O suspeito foi encaminhado à Delegacia Especial da Mulher, onde foi autuado pelo crime de violência doméstica.

Em seguida, foi conduzido ao Sistema Penitenciário de Pedrinhas, onde permanece à disposição da justiça.

O suspeito foi autuado e encaminhado ao sistema penitenciário

Mais de 90% dos leitos de UTI para Covid estão ocupados em São Luís

Por Luís Pablo Política
 

Dos 126 leitos disponíveis, apenas 12 estão vagos

O último Boletim Epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) acendeu mais uma vez o sinal vermelho em relação aos leitos de UTI exclusivos para pacientes com Covid-19, na Grande Ilha.

Segundo os dados, 90, 48% dos leitos de UTI estão ocupados. Isso quer dizer que dos 126 leitos disponíveis, apenas 12 estão vagos. Esse quantitativo é destinado para pacientes de São Luís, São José de Ribamar, Paço do Lumiar, Raposa, e também de outros municípios.

Entre os dias 8 e 14 de fevereiro foram notificados 3.096 novos casos de coronavírus em todo o estado. O último boletim, divulgado nesse domingo (14), registrou 10 mortes, ocorridas nos municípios de Buriticupu, Pinheiro, Vitória do Mearim, Imperatriz e São Luís.

Para tentar frear o avanço da Covid-19 no Maranhão, a Justiça proibiu a realização de eventos até a próxima quinta-feira (18). As festas do período do carnaval também foram canceladas, bem como o ponto facultativo. Com a adoção dessas medidas, espera-se uma redução no contágio e na taxa de ocupação dos leitos de UTI.

Presa em Teresina digital influencer de São Luís por assaltar casa de empresário

Por Luís Pablo Polícia
 
Digital influencer Roani Sampaio

Digital influencer Roani Sampaio

A digital influencer Roani Sampaio, de 19 anos, e o seu namorado, Francisco Moisés Júnior, de 26 anos, foram presos suspeitos de roubar a casa de um empresário no bairro Planalto Ininga, Zona Leste de Teresina-PI.

Segundo a vítima, a blogueira teria passado informações ao companheiro, que realizou o assalto. O caso aconteceu na sexta-feira (12).

De acordo com os autos da prisão em flagrante do casal, o empresário relatou que conheceu a jovem em São Luis (MA), que ela veio para a capital piauiense e combinou com um encontro com ele.

Ainda segundo os autos, a suspeita foi para a casa do empresário e, cerca de 50 minutos depois dela chegar, os assaltantes entraram na residência.

Delegacia em Teresina-PI

Delegacia em Teresina-PI

A vítima narrou que entrou em um banheiro da casa com a blogueira. Porém, os criminosos conseguiram arrombar a porta.

O empresário foi amarrado com algemas de plástico e agredido pelos assaltantes que, além de roubarem dinheiro, pediram senhas de um aparelho celular e de contas bancárias.

A Polícia Militar foi acionada e encontrou na residência o empresário, a blogueira e o namorado da jovem, que alegou ser um motorista de aplicativo e que foi sequestrado pelos assaltantes para levá-los à residência.

Entretanto, a vítima do roubo mostrou imagens de uma câmera de segurança que mostram o homem participando do crime. Os outros envolvidos no assalto conseguiram fugir pulando o muro da casa.

O empresário alegou que acredita que a jovem com quem marcou o encontro passou informações ao namorado para a realização do roubo.

Assaltantes na casa do empresário

Assaltantes na casa do empresário

Ele ainda informou que foi ela quem facilitou o acesso dos criminosos à casa ao abrir o portão através de um controle. A digital influencer, durante o interrogatório, admitiu que o suspeito do crime era seu companheiro e que viajou para Teresina com ele.

O caso foi registrado no 12° Distrito Policial de Teresina. Eles foram levados para a Central de Flagrantes, onde foram feitos os autos da prisão do casal. A polícia apreendeu também um carro utilizado pelos assaltantes e um revólver.

No sábado (13), a Justiça determinou a conversão da prisão em flagrante para preventiva dos dois. A dupla ficará à disposição da Justiça em unidade prisional do estado.

(Com informações do GP1)

EQUÍVOCO! Juiz diz que ouvir música de carnaval dentro de casa não está proibido

Por Luís Pablo Política
 

Juiz Douglas de Melo Martins

Após a imensa repercussão negativa que gerou a fala do juiz Douglas de Melo Martins, titular da Vara de Interesses Difusos e Coletivos, sobre não poder ouvir música nem mesmo dentro de casa, o magistrado se pronunciou e admitiu que houve um equívoco ao se expressar na entrevista hoje, dia 13, na TV Mirante.

O juiz garantiu que ouvir música dentro de casa não está proibido. Segundo ele, a sua preocupação é a pessoa colocar um som alto na porta de casa e começar a formar um bloco de carnaval.

“O ideal mesmo era que as pessoas captassem a ideia. Claro que pode ouvir música dentro de casa, à vontade, sem problema nenhum. Problema é que a tensão de muitos questionamentos sobre a possibilidade de aglomeração dá a impressão, fica a sensação de que as pessoas estão tentando encontrar argumentos para poder aglomerar. Agora, revendo a entrevista, realmente pelo que falei ficou a impressão de que as pessoas não podiam ouvir música dentro de casa. Eu não deveria ter falado ‘dentro’, deveria ter dito ‘nem que seja na porta de casa’. Dentro de casa não tem como impedir aglomeração. A pessoa vai estar em sua casa, com a família. Se puser um som dentro de casa, não vai nenhuma autoridade invadir a casa. A pessoa chegar num posto de gasolina ou mesmo na praça em frente à sua casa, abrir o porta-malas de um carro, colocar um som alto e começar ali a formar um bloco de carnaval”, disse o magistrado.

Homem é executado na Litorânea

Por Luís Pablo Política
 

Vítima foi identificada como Bruno Vinícius Nazon Moraes Borges, de 30 anos

Um homem, identificado como Bruno Vinícius Nazon Moraes Borges, de 30 anos, foi executado na tarde desta sexta-feira (12) na Avenida Litorânea.

De acordo com a polícia, a vítima estava com a esposa no bar Oba Oba, quando três indivíduos desconhecidos chegaram e efetuaram seis disparos. Bruno Vinicíus morreu no local.

Os suspeitos  fugiram em um veículo Gol, de cor branca, sem placas. A autoria e motivação do crime ainda são desconhecidas. Segundo a polícia,  não foi encontrado cápsulas de munições no local.

O caso deve ser investigado pela Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP).

Quase 60 municípios já cancelaram o Carnaval no Maranhão

Por Luís Pablo Política
 

Segundo a Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (FAMEM), ao menos 58 prefeituras maranhenses já cancelaram oficialmente as festas de carnaval, através da publicação de resoluções.

O cancelamento das festas do período momesco segue o Decreto Estadual Nº 36.462, de 22 de janeiro de 2021, que proíbe as festividades tanto em ambiente público quanto em privado. A medida é para conter o avanço da Covid-19, que tem aumentado no estado.

Segundo a FAMEM, o número pode ser ainda maior. Vale destacar que Paço do Lumiar, Raposa e São José de Ribamar não constam na lista, mas os três já editaram decretos suspendendo as festividades.

São Luís também não está na lista da FAMEM, mas o prefeito Eduardo Braide também já declarou que não vai haver festas no carnaval deste ano, e suspendeu o ponto facultativo no município.

O juiz Douglas Melo Martins, ‎Titular da Vara de Interesses Difusos e Coletivos de São Luís, proibiu qualquer festa com som no Maranhão por sete dias. A medida vale a partir desta sexta (12) e segue até a próxima quinta-feira (18).