Golpe de ladrões de veículos é investigado pela polícia em São Luís

Por Luís Pablo Polícia
 
Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos

Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos

Uma nova modalidade de golpe de roubo de carros e tem feito muitas vítimas em São Luís-MA virou alvo de investigação policial. Os ladrões têm se passado por compradores de veículos para realizar a ação criminosa. Nas últimas semanas, segundo a polícia, mais de cinco pessoas tiveram seus carros ou motos roubadas através do golpe.

O motorista Leonardo Amorim foi uma das vítimas. Ele teve a moto roubada por um homem que se identificou apenas como Soares e disse ser funcionário do Departamento Estadual de Trânsito do Maranhão (Detran MA).

Segundo a vítima, ele teve o primeiro contato com o ladrão através de um anúncio em um site de compras e vendas. No dia do encontro para tratar sobre a venda, que ocorreu em um Posto de Gasolina, o golpista saiu de dentro do prédio do Detran com um crachá do órgão no pescoço, pediu para testar a moto e sumiu.

O chefe operacional do Detran, David Ximenes, garantiu que ele não é funcionário do órgão e informou que já foram tomadas todas as providências necessárias, incluindo um Boletim de Ocorrência sobre o caso.

Nas imagens internas do estacionamento do Detran, é possível ver o momento em que o criminoso chega em um veículo com uma outra pessoa e fica no local até sair para encontrar a vítima.

O delegado Fernando Guedes, da Delegacia de Roubos e Furtos e Veículos, garantiu que as investigações estão sendo realizadas para que o autor do crime seja identificado e preso.

Emserh contrata gráfica por mais de meio milhão

Por Luís Pablo Política
 

Vanderley Ramos é presidente interino da Emserh

A Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (EMSERH) vai gastar mais de meio milhão com serviços gráficos.

De acordo com o Diário Oficial do Estado do dia 5 de julho, a Emserh celebrou três contratos com a KAF Gráfica, que juntos somaram exatos R$ 539.008,96

Localizada em São José de Ribamar, a gráfica foi criada em junho de 2013 e possui vários outros contratos com o governo do Estado.

Desde dezembro, a Emserh é comandada pelo procurador do Estado Vanderley Ramos. Ele tomou posse interinamente em substituição a médica Ianik Leal, que se afastou temporariamente por licença-maternidade.

O contrato, que possui vigência de doze meses, foi assinado por ele, pelo diretor financeiro da Emserh, José Lúcio Campos Reis, e Antonio Carlos Campos Diniz, o representante da empresa contratada.

Veja os detalhes abaixo:

Flávio Dino não cumpriu a principal promessa: “retirar da linha de pobreza extrema as famílias maranhenses”

Por Luís Pablo Política
 
Governo Flávio Dino

Governo Flávio Dino

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), alardeou aos quatro cantos que o levantamento feito pelo G1 apontou que ele cumpriu a maioria dos seus compromissos de campanha.

Ocorre que a principal promessa de Dino não foi cumprida: a de “retirar da linha de pobreza extrema as famílias maranhenses” – segundo consta no próprio levantamento do G1 (veja abaixo).

O último levantamento feito pelo IBGE, divulgado em dezembro de 2017, destaca o Maranhão como o estado com a maior proporção de pessoas em condições de pobreza extrema.

Isso mostra que durante 3 anos e meio de governo, Flávio Dino não deu prioridade em dar uma qualidade de vida da população maranhense.

É lamentável!

Jerry parece que botou botox de tanto Photoshop no material de campanha

Por Luís Pablo Política
 

A foto do material de campanha do ex-secretário e pré-candidato a deputado Márcio Jerry (PCdoB) virou motivo de chacota nas redes sociais.

A equipe de designer usou tanto Photoshop, que parece que Jerry botou botox para aliviar as rugas e linhas de expressão.

Desconfiguraram tanto o rosto do comunista com a ferramenta milagrosa do Photoshop para tentar melhorar seu perfil, que não teve jeito e ainda ficou pior do que a realidade.

Juíza decreta indisponibilidade de bens de prefeito de Parnarama

Por Luís Pablo Judiciário
 

Prefeito Raimundo Silva Rodrigues

Uma decisão cautelar proferida pela juíza substituta Cáthia Rejane Portela, da comarca de Parnarama, determinou a indisponibilidade de bens do atual Prefeito do município, Raimundo Silva Rodrigues, na ordem de R$ 2.278.061,15 (dois milhões, duzentos e setenta e oito mil, sessenta e um reais e quinze centavos).

A decisão se refere a uma ação do Ministério Público que tem como objeto a irregularidade na prestação de contas do requerido quando exerceu outro mandato como Prefeito de Parnarama, em 2006. A irregularidade, segundo o órgão ministerial, foi na quantidade de despesas sem licitação realizadas pelo gestor.

Destaca o pedido que Raimundo Silvana, na condição de gestor da administração direta e do Fundo Municipal de Saúde, realizou diversas despesas sem observar o regular procedimento licitatório para contratação de obras em estradas vicinais, compras de peças de veículos, aquisição de material de informática, materiais gráficos, materiais didáticos, materiais de construção e reforma, aquisição de gêneros alimentícios, contratação de frete de veículos, aquisição de combustível e contratação de serviços de assessoria jurídica. A defesa alegou que a ação ajuizada não é a adequada para o caso concreto discutido.

“Tais fatos levaram ao julgamento de reprovação das contas da administração direta e do Fundo Municipal de Saúde de Parnarama, conforme parecer do Tribunal de Contas do Estado do Maranhão. Diante desse contexto, vislumbro a existência de indícios suficientes da prática de atos de improbidade administrativa, perpetrados pelo requerido, consubstanciando-se o deferimento da medida cautelar requerida”, diz a decisão, ressaltando que a indisponibilidade de bens há de ser decretada em caráter provisório, com o simples propósito de assegurar o ressarcimento dos danos sofridos pelo patrimônio público.

Para a juíza, a medida de indisponibilidade de bens encontra-se em acordo com determinação constitucional, aplicada aos agentes públicos que, comprovadamente, tenham causado lesão ao erário. O Poder Judiciário determinou a expedição de Ofício aos Detrans de Maranhão e Piauí para que procedam à averbação da indisponibilidade de bens nos veículos automotores que constem o nome do prefeito como proprietário, até o limite acima descrito. De igual modo, foram oficiados os cartórios de registros de imóveis de Parnarama, São Luís e Teresina, no que se refere aos imóveis que tenham o Prefeito como proprietário.

O Banco Central do Brasil também recebeu ofício no sentido de proceder à indisponibilidade de ativos e investimentos em nome d Raimundo Rodrigues, via Bacenjud (sistema eletrônico de relacionamento entre o Poder Judiciário e as instituições financeiras, intermediado pelo Banco Central, que possibilita à autoridade judiciária encaminhar requisições de informações e ordens de bloqueio, desbloqueio e transferência de valores bloqueados) até o limite do valor já descrito. A Justiça determinou, ainda, a citação de Raimundo Silva Rodrigues para, no prazo de 15 dias, apresentar defesa por meio de contestação.

Fábio Macedo realiza agendas em Poção de Pedras e Godofredo Viana

Por Luís Pablo Política
 

O deputado estadual Fábio Macedo (PDT) realizou, no último fim de semana, visitas nos municípios de Godofredo Viana e Poção de Pedras, onde diálogou com a população e selou parcerias políticas importantes.

Em Godofredo Viana, Fábio Macedo foi recepcionado por uma multidão em um encontro realizado pelo prefeito Sissy Viana e a Primeira Dama, Maria de Fatima. Na ocasião, o deputado diálogou com a população e conheceu de perto a realidade da cidade.

“Me sinto muito honrado em participar deste grande evento, promovido pelas lideranças políticas da cidade, representadas pelo Prefeito Sissy Viana, que aliás, vem fazendo uma gestão competente , apesar do cenário de crise que assola o país. É uma satisfação estar em meio ao povo, dialogando e conhecendo suas reais necessidades”, disse Macedo.

O encontro contou com a participação do deputado federal, Julião Amin e o Secretário de Trabalho do Governo, Hernando Macedo, Lorena Macedo e a também a vice-prefeita, Lindalva Severo, o presidente da Câmara de Vereadores, Jorge Alberto e os vereadores Chico Vila Nova, Tacianne, Jorginho, Terezinha, Valter Santos, Gidean e José Gomes.

POÇÃO DE PEDRAS

Em Poção de Pedras a agenda do deputado teve início no Povoado Água Branca, onde foi recepcionado com muito carinho pela comunidade. Acompanhado do prefeito Junior Cascaria, Fábio, passou uma manhã inteira percorrendo o povoado reforçando seu compromisso com a cidade e conversando com a população da localidade. O momento contou com a participação da primeira Dama, Carla Fernanda, vereadores e lideranças da cidade.

A noite, participou da comemoração de aniversário do prefeito Junior Cascaria. A festa, comandada pela banda Chicabana movimentou toda a cidade, que compartilhou momentos de alegria ao lado do prefeito e seus convidados. Também participaram do evento, o deputado federal Weverton Rocha, o prefeito Erlânio Xavier e Márcio Jerry.

“Me sinto em casa em Poção de Pedras, é sempre muito bom poder conversar r estar mais próximo da população. Além disso, comemoramos junto com a cidade a vida desse grande Prefeito que é o Junior Cascaria”, afimou.

Deputado Edilázio aumenta as suas bases em Bara do Corda e Tuntum

Por Luís Pablo Política
 

O deputado Edilázio Júnior, pré-candidato do PSD a deputado federal, ampliou as suas bases nos municípios de Barra do Corda e Tuntum, onde realizou ato de pré-campanha.

Em Barra do Corda, Edilázio – ao lado do deputado Antonio Pereira -, foi recebido pelo ex-prefeito Avelar Sampaio, e todo o seu grupo político.

Vereadores, lideranças políticas e comunitárias, além de presidentes de partidos, participaram do ato que marcou o lançamento da pré-candidatura do parlamentar no município.

Na ocasião, ele gradeceu a articulação de Avelar Sampaio, que mobilizou uma multidão para o ato político.

“Chego em Barra do Corda pela porta da frente, com o apoio de um dos maiores líderes políticos de toda essa região. Lá em São Luís, meus amigos, quando me perguntam quem está me apoiando em Barra do Corda e quando respondo que é Avelar, há unanimidade numa declaração: ‘se prepare para receber uma grande votação’. Isso mostra o quanto Avelar é uma liderança respeitada. Conte comigo e vamos à vitória”, disse.

Em Tuntum Edilázio participou de grande ato, realizado pelo Dr. Cláudio Azevedo e sua esposa, Ana Izabel.
A movimentação também contou com a presença de lideranças da região e de ex-vereadores, que manifestaram apoio à pré-candidatura do parlamentar para a Câmara Federal.

Edilázio também fez uma visita de cortesia ao ex-presidente da Câmara Municipal de Tuntum, Orleans Moreira. Lá assegurou compromisso com o município.

Fachin nega recurso a Weverton Rocha em inquérito sobre peculato e corrupção

Por Luís Pablo Política
 

O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou ao deputado federal Weverton Rocha (PDT) um recurso interposto contra decisão anterior do próprio magistrado, na qual havia determinado a remessa imediata do Inquérito 3.394, relacionado à suposta prática de peculato, corrupção passiva e corrupção ativa, às Varas Criminais Federais da Seção Judiciária do Distrito Federal/DF.

A decisão foi proferida no último dia 20, tendo os autos já sido encaminhados ao juízo de origem, no final do mês passado.

A defesa do pedetista pedia a reconsideração da decisão monocrática de Fachin, e que fosse determinado o arquivamento da investigação “por ausência de justa causa”; ou, em caso do primeiro pedido ser negado, que o recurso fosse submetido ao pleno da Corte. Todos os pedidos foram negados por Fachin.

As investigações contra Weverton têm relação com um esquema criminoso revelado pela revista Veja, em novembro de 2011, dando conta de que o então ministro do Trabalho, Carlos Lupi, teria transformado os órgãos de controle da pasta em instrumento de extorsão.

Conforme relatos de diretores de ONGs, parlamentares e servidores públicos, o esquema funcionava assim: primeiro o ministério contratava entidades para dar cursos de capacitação profissional, e depois assessores exigiam propina de 5% a 15% para resolver ‘pendências’ que eles mesmos criavam. Ao tentar resolver o problema, os diretores do instituto recebiam o recado: poderiam regularizar rapidamente a situação da entidade pagando propina.

Para tanto, deveriam entrar em contato com Weverton Rocha, então assessor especial de Lupi, ou Anderson Alexandre dos Santos, então coordenador-geral de qualificação do Ministério do Trabalho. Weverton, inclusive, de acordo com os relatos obtidos por VEJA, era um dos responsáveis por fixar os valores da propina.

Prefeitura de Barra do Corda realiza eleição para gestores nas escolas

Por Luís Pablo Política
 

A segunda-feira, dia 09, foi uma data muito importante nas escolas municipais de Barra do Corda.

Durante todo o dia foi realizada a votação para escolha dos gestores que ficarão responsáveis pelas unidades de ensino nos próximos dois anos.

As escolas U. I. Enoc Vieira, U. I. Isaltina Pereira Araújo, U. I. Wolney Milhomem, U. I. Otávio Bandeira e U. I. José Nogueira Arruda receberam alunos, pais de alunos e toda comunidade escolar para escolherem seus candidatos.

Através desse processo a vontade da comunidade escolar vai prevalecer, pois é uma escolha feita através do voto direto e representativo.

Essa é a maneira que mais favorece o debate democrático na escola, o compromisso e a sensibilidade política por parte do diretor, além de permitir a cobrança e a responsabilidade de todos que participaram da eleição.

Empresa Droga Rocha fatura mais um contrato milionário no Maranhão

Por Luís Pablo Política
 

Prefeito Miguel Laund celebrou contrato milionário com a Droga Rocha

Proibida de licitar com a administração pública pelo Tribunal de Contas da União desde março de 2017 (Reveja aqui), a empresa Droga Rocha Distribuidora de Medicamentos garantiu mais uma milionário contrato no Maranhão.

Desta vez o contrato foi celebrado com a Prefeitura de Itapecuru-Mirim, comandada pelo prefeito Miguel Lauand.

Segundo o Diário Oficial do Estado do dia 6 de julho, o fornecimento de medicamentos, insumos hospitalares, ambulatoriais e odontológicos pode render mais de R$ 2.5 milhões à empresa.

O contrato assinado em maio de 2018, é válido até dezembro. Ou seja, pouco mais de sete meses.

Além de Itapecuru-Mirim, a empresa tem faturado alto nas cidades de Codó, Tuntum e Chapadinha. Relembre aqui , aqui e aqui .

Veja detalhes abaixo: