PF e MPF pedem prisão preventiva de Barbosa, mas juiz Magno Linhares nega

Por Luís Pablo Polícia
 

Empresário Barbosa

Empresário Barbosa

O Ministério Público Federal no Maranhão (MPF/MA) e a Polícia Federal (PF) pediram a conversão da prisão temporária do empresário Antônio Barbosa de Alencar, em prisão preventiva.

O juiz federal da 2ª Vara, José Magno Linhares Moraes, negou o pedido e decidiu pela aplicação de medidas cautelares contra o proprietário do grupo Dimensão Engenharia.

O MPF e a PF alegaram que Barbosa “estava obstruindo e pondo em risco a investigação do caso”.

Para tentar inibir a repetição dos crimes investigados e evitar que sejam criados obstáculos às investigações, o juiz Magno Linhares determinou que o empresário e os outros oito indiciados na Operação Lilliput, compareçam mensalmente perante o Juízo para informar e justificar suas atividades.

O magistrado também determinou a proibição de saírem da cidade onde residem por mais de 15 dias sem autorização judicial, que recolham-se aos seus respectivos domicílios no período da noite, entre 22h e 6h, e que sejam proibidos de terem acesso ao prédio da Receita Federal pelo prazo de 60 dias.

As medidas cautelares devem ser cumpridas por Barbosa, Antônio Alves Neto (contador do grupo Dimensão), Arivaldo Silva Braga (servidor do fisco municipal), os advogados José Roosevelt Pereira Bastos Filho e Alan Fialho Gandra Filho, os funcionários da Receita Federal do Brasil Osmir Torres Neto, Maria das Graças Coelho Almeida e Alan Fialho Gandra, e Dário Jacob Bezerra.

Caso ocorra o descumprimento das medidas impostas, o juiz federal destacou que “poderá acarretar em decretação de prisão preventiva”.

Barbosa da Dimensão 5

Barbosa da Dimensão 6

Lobão é convencido a votar favorável ao impeachment; Edinho não assume mais

Por Luís Pablo Política
 

Senador Edison Lobão

Senador Edison Lobão

O senador maranhense Edison Lobão (PMDB) foi convencido em votar a favor pelo impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff, no Senado Federal.

Lobão foi convencido pelo próprio presidente em exercício Michel Temer e também por seu aliado ex-senador José Sarney.

Ex-ministro de Minas e Energia em 2008 a 2010, no governo Lula e durante todo o primeiro mandato da presidente Dilma, Edison Lobão se sentia constrangido em votar pelo impeachment.

O senador ia se licenciar para seu filho, primeiro suplente Edinho Lobão, votar a favor do afastamento de Dilma. Mas foi convencido pela cúpula do PMDB dele mesmo votar.

Lobão também, segundo informações, não queria arriscar de se afastar do cargo sendo alvo da Lava Jato. Teria ficado com receio do juiz federal Sérgio Moro tomar alguma decisão durante o período do seu licenciamento no Senado.

Bomba! Delegado da PF diz que Barbosa soube da operação um dia antes e retirou bens e provas de sua casa e empresas

Por Luís Pablo Polícia
 

Delegado Max Eduardo e o empresário Barbosa da Dimensão

Delegado Max Eduardo e o empresário Barbosa da Dimensão

O delegado federal Max Eduardo Alves Ribeiro, responsável pela Operação Lilliput, disse que o empresário Antônio Barbosa de Alencar, dono da Dimensão Engenharia, soube da ação da PF um dia antes de ser desencadeada.

Segundo o delegado, Barbosa retirou bens e objetos de prova de sua residência e empresas, incluindo dois carros da marca BMW, na intenção de frustrar a execução e o resultado das medidas da Polícia Federal.

Imagens de câmeras de segurança, depoimentos coletados e relatos de delegados da PF responsáveis pelas equipes que cumpriram mandados judiciais na residência e na sede de empresas de Barbosa, comprovam o vazamento da operação.

Os procuradores da República Juraci Guimarães Júnior e Galtiênio da Cruz Paulino falaram sobre o vazamento. Eles disseram que “as provas levantadas pela PF demonstram que o acusado [Barbosa da Dimensão] estava obstruindo e pondo em risco a investigação do caso”.

Barbosa foi preso pela PF no dia 12 deste. Ele e mais oito pessoas foram presas por crimes contra a ordem tributária e corrupção.

A PF apontou o dono da Dimensão Engenharia como chefe de organização criminosa. Segundo a polícia, nem mesmo a repercussão da Operação Cartago (2014), que teve dentre os principais investigados Barbosa, foi capaz de impedir que a organização continuasse praticando novos crimes.

Família vive momentos de terror em assalto no Gapara, em São Luís

Por Luís Pablo Polícia
 

G1MA

Os policiais invadiram a residência, e os bandidos, ao avistarem as guarnições, começaram a atirar

Os policiais invadiram a residência, e os bandidos, ao avistarem as guarnições, começaram a atirar

Uma família viveu momentos de terror na noite desse sábado (23) no bairro do Gapara, Região Metropolitana de São Luís (MA). Criminosos usaram de tortura psicológica para roubar dinheiro e objetos em residência. Em troca de tiros com a polícia, dois morreram e outros três foram detidos.

O caso aconteceu por volta das 21h, quando seis suspeitos invadiram o local rendendo o caseiro. Na casa, estavam ainda o proprietário de 57 anos e outras sete pessoas da mesma família, entre elas uma criança de cinco anos.

No interior da residência, os criminosos buscavam dinheiro e objetos. Para obter o que queriam, eles ameaçaram cortar o dedo da criança e chegaram a trancar todas as vítimas em um quarto.

Em uma rápida ofensiva, policiais de duas equipes do 1º Batalhão de Polícia Militar (BPM) conseguiram deter três dos suspeitos. Outros dois foram atingidos durante uma troca de tiros, foram encaminhados para o Hospital Djalma Marques (‘Socorrão I’), no Centro da capital maranhense, mas não resistiram e morreram. Um dos suspeitos está foragido.

Entre os suspeitos mortos, um era adolescente de 17 anos. Já entre os detidos pela PM-MA, um tem 14 anos e permanece apreendido no Plantão Central de Polícia Civil da Vila Embratel, onde o caso foi registrado.

Os outros presos já foram encaminhados ao Centro de Triagem do Complexo Penitenciário de Pedrinhas. Com eles, foram recuperadas armas e objetos roubados das vítimas.

Os corpos dos suspeitos mortos foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML), que neste domingo recebeu outros sete corpos – sendo outros dois de vítimas de armas de fogo e um de arma branca.

Júnior Verde participa de lançamento de programa pelo ministro Marcos Pereira

Por Luís Pablo Política
 

Júnior Verde, ministro Marcos Pereira e Cleber Verde

Júnior Verde, ministro Marcos Pereira e Cleber Verde

O deputado estadual Júnior Verde (PRB) participou na sexta (22) do lançamento do Plano Nacional da Cultura Exportadora (PNCE) e do Programa Brasil Mais Produtivo pelo ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, Marcos Pereira. As duas iniciativas foram lançadas na Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (FIEMA).

O programa é nacional e se baseia na redução dos sete tipos de desperdícios (superprodução, tempo de espera, transporte, excesso de processamento, inventário, movimento e defeitos), prevendo o investimento em quatro setores prioritários: Alimentos e Bebidas; Metalmecânico; Moveleiro; Vestuário e Calçados.

No Maranhão, a iniciativa apoiará a indústria local. “Será uma oportunidade de aprimorar práticas para o aumento da concorrência. Não poderia acontecer em um momento melhor, principalmente para nosso Estado, que precisa de incentivos para voltar a se desenvolver”, destacou o deputado Júnior Verde.

As empresas maranhenses receberão treinamento e consultoria para adequação dos produtos ao mercado internacional. “Temos que incentivar produtos locais. Buscamos protagonismo para retomar crescimento”, garantiu o ministro Marcos Pereira.

O evento contou com a presença do governador Flávio Dino, do deputado federal Cleber Verde (PRB), além de representantes da FIEMA, da Secretaria de Indústria e Comércio (SEINC), do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE-MA), da Associação Comercial do Maranhão (ACM) e Banco do Brasil.

Wellington do Curso vence em todos os cenários num eventual 2° turno

Por Luís Pablo Política
 
Deputado Wellington do Curso

Deputado Wellington do Curso

O deputado estadual Wellington do Curso (PP) vem se tornando uma onda na corrida eleitoral em São Luís-MA. O pré-candidato a prefeito venceria tanto o prefeito Edivaldo Holanda Júnior quanto a deputada federal Eliziane Gama, num eventual 2° turno.

A pesquisa Econométrica, que ouviu 985 pessoas, mostrou que Wellington vence Holadinha com 37,4% contra 31,6%. Em outro cenário, num confronto direto com Eliziane, o deputado vence com 35% contra 32,6%.

A Econométrica também fez um confronto entre Edivaldo Holanda e Eliziane Gama. A deputada venceria com 33,7 % contra 32,3 % do prefeito.

O resultado da pesquisa, que apontou Wellington do Curso vencedor em todos os cenários num eventual 2° turno, deixou os aliados do parlamentar sorrindo com as paredes.

Pesquisa São Luís (1)

Pesquisa São Luís (2)

Pesquisa São Luís (3)

A pesquisa foi realizada entre os dias 14 e 16 deste mês e registrada na Justiça Eleitoral sob o número MA-03691/2016.

Reviravolta: pesquisa aponta Edivaldo Holanda Jr. na liderança em São Luís

Por Luís Pablo Política
 

Prefeito Edivaldo Holanda Júnior

Prefeito Edivaldo Holanda Júnior

Estrutura. Essa é a palavra que define a reviravolta do prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT) na corrida eleitoral em São Luís-MA.

A pesquisa Econométrica, contratada pelo Blog do Luis Cardoso e realizada entre os dias 14 a 16 deste mês, apontou Holandinha na frente dos demais pré-candidatos.

Edivaldo Jr. aparece com 23,7% no cenário estimulado. Em seguida com 20% dos votos, vem a deputada federal Eliziane Gama (PPS), que vinha liderando todas as pesquisas, mas agora caiu. Na cola da parlamentar aparece o deputado estadual Wellington do Curso com 18,1%.

O resultado da Econométrica surpreendeu a todos que acreditavam que os números seriam os mesmos, com os três principais pré-candidatos empatados tecnicamente. Mas a pesquisa mostrou que a estrutura do prefeito Edivaldo Holanda Júnior tem dado resultado.

Apesar disso, Holandinha ainda continua com uma alta rejeição. A pesquisa apontou que 37,3% dos eleitores não querem a reeleição do prefeito. A segunda mais rejeitada foi a deputada Eliziane Gama com 15%. O deputado Wellington do Curso teve apenas 5,6% de rejeição.

A Econométrica foi registrada na Justiça Eleitoral sob o número MA-03691/2016 e ouviu 985 eleitores, com margem de erro de 3,1% para mais ou para menos.

Cenário estimulado

Pesquisa

Pesquisa 2

Cenário espontâneo

Pesquisa 3

Pesquisa 4

Cenário rejeição

Pesquisa 5

Pesquisa 6

Denúncia: prefeito de Governador Luiz Rocha empresta máquina do PAC para empresa contratada

Por Luís Pablo Política
 

Prefeito Francisco Feitosa

Prefeito Francisco Feitosa

O Blog do Luis Pablo recebeu denúncia de um leitor sobre uma irregularidade grave que está sendo cometida pelo prefeito de Governador Luiz Rocha, Francisco Feitosa da Silva, no município.

De acordo com o leitor, o gestor cedeu uma máquina Patrol, que foi doada pelo PAC, à empresa contratada para realizar a obra de terraplanagem entre as cidades de Governador Luiz Rocha e São Domingos do Maranhão.

Ocorre que a Sultepa Construções e Comércvio LTDA, responsável pela obra, embolsou mais de R$ 20 milhões para fazer o serviço que, segundo do Diário Oficial, foi contrato em 2012 e deveria ter sido entregue no prazo de 180 dias.

Ou seja, além de nunca ter terminado o serviço ainda tem o privilegio, graças ao prefeito, de poder contar com a utilização da máquina que é de propriedade da cidade.

Abaixo o contrato milionário celebrado com a empresa e o vídeo que mostra a máquina sendo utilizada indevidamente:

Luis Rocha

Prefeito de Codó vai gastar mais de R$ 5,5 milhões para construir creches

Por Luís Pablo Política
 

Zito Rolim

Zito Rolim

A prefeitura de Codó, que é comandada por Zito Rolim, segue realizando contratos milionários nos mais diversos setores.

Desta vez, o gestor municipal vai desembolsar 5.526.010,95 (cinco milhões, quinhentos e vinte e seis mil, dez reais e noventa e cinco centavos) na construção de creches na cidade.

Conforme publicado no Diário Oficial do Estado, a empresa Exatas Incorporadora e Construção Ltda, localizada no município de Caxias, será a responsável pelo serviço. A empresa tem o prazo de seis meses para entregar as creches Proinfância tipo 1 que deverão ser construídas no modelo padrão FDNE.

O Blog do Luis Pablo já publicou vários contratos no minimo estranhos que vêm sendo feitos por Zito Rolim, e que merecem atenção e investigação do Ministério Público.

Só em 2016, por exemplo, foram quase R$ 10 milhões gastos contratando fornecimento de material hidráulico,elétrico e de limpeza para a cidade.(Reveja aqui e aqui )

codó

Complexo Esportivo Canhoteiro segue abandonado pelo poder público

Por Luís Pablo Política
 
Parque Aquático continua deteriorado e sem uso

Parque Aquático continua deteriorado e sem uso

Inaugurado em 1982, o Complexo Esportivo Canhoteiro, em São Luís, no bairro Outeiro da Cruz, que é considerado a praça esportiva mais completa do estado, segue abandonado.

No local, que abriga, entre outras coisas, o Ginásio Castelinho e o estádio do Castelão, a realidade encontrada é a falta de manutenção e total descaso dos gestores estaduais responsáveis.

Mato para todos os lados, aparelhos de ginásticas enferrujados e sem manutenção, pista de atletismo que também não apresenta condições de uso. Tudo resultado da falta de cuidado do poder público. São 10 anos sem reformas no local.

No Parque Aquático, que sediou grandes competições de natação, a situação é ainda pior. Há anos desativada, hoje serve apenas para acumular sujeira e servir para criadouro do mosquito da dengue.

Em fevereiro, o governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado do Esporte e Lazer (Sedel), que é comandada pelo comunista Márcio Jardim, informou que foram iniciadas obras de melhoria no complexo, com recursos do Governo Federal, na ordem de R$ 4 milhões.

Porém, até agora, a única mudança vista são alambrados que estão sendo colocados ao redor do Complexo. É lamentável!

02

01